Dal Forno Romano

“Inquestionavelmente o maior líder em Valpolicella e Amarone” para Robert Parker, Dal Forno Romano elabora — com assombroso perfeccionismo — vinhos que certamente mudaram para sempre a história do Amarone della Valpolicella. Os vinhedos são plantados com precisão cirúrgica, contando com quase 13.000 plantas por hectare (altíssima densidade), e os rendimentos são ridiculamente baixos, demandando as uvas de quase 12 videiras para produzir uma única garrafa de Amarone. Eleito um dos melhores produtores de todo o mundo por Robert Parker, Dal Forno conta com uma impressionante coleção de notas estratosféricas de toda a imprensa especializada. Entre os cultuados Amarone della Valpolicella avaliados por Parker até hoje, apenas o da difícil safra de 2002 – classificada “apenas” com 94 pontos – não recebeu uma nota superior a 95 pontos. A Wine Spectator, por sua vez, não ficou muito atrás, classificando a última safra avaliada com 96 pontos — a mais alta nota já concedida pela revista a um Amarone. Já o Gambero Rosso é categórico em afirmar que o Amarone de Dal Forno é “simplesmente maravilhoso”, concedendo sempre os cobiçados “tre bicchieri” ao vinho. O impressionante Valpolicella é uma verdadeira revelação para quem só provou os exemplares mais leves deste clássico tinto do Veneto. Elaborado com uvas 100% passificadas, é realmente melhor que a grande maioria dos Amarones das outras vinícolas, sendo capaz de evoluir por mais de 15 anos em garrafa. A safra de 2004 recebeu nada menos que os “tre bicchieri”do Gambero Rosso e 93 pontos de Robert Parker, que afirma que os enófilos “precisam redefinir o conceito que têm de Valpolicella para compreenderem a grandiosidade deste vinho”. O fantástico e raríssimo Vigna Seré é um Recioto della Valpolicella que não pode ser chamado oficialmente de Recioto por ser elaborado com 10% da casta Oseletta. Rico, denso e bastante complexo, é uma sofisticada companhia para sobremesas com chocolate.

4 produtos

Itens por página
Filtro
Ordenar por