Domaine L’Ostal Cazes

A família Cazes, proprietária do Château Lynch Bages da região de Bordeaux, adquiriu uma propriedade com 50 hectares de vinhedos na melhor localização de Minervois, no coração do Languedoc-Roussillon, a vinícola Domaine L’Ostal Cazes.

O terroir aos pés da Montanha Negra é lendário, conhecido no Império Romano como “cella vinaria” — “adega de vinhos” em latim, por dar origem a alguns dos mais renomados vinhos da Antiguidade. O terroir de La Livinière, em particular, é ainda mais especial, tendo sido descrito pelo próprio Cícero como uma denominação de origem da mais alta qualidade, que produzia vinhos que eram transportados e vendidos em Roma já naquela época.

Jean-Michel e Jean-Charles Cazes contaram com a experiência da equipe técnica do Château Lynch Bages para conceber os vinhos de L’Ostal Cazes e recuperar os vinhedos. O resultado deste impressionante trabalho já pode ser comprovado nestas primeiras safras de vinhos potentes e exuberantes, de grande apelo gastronômico.

O Estibals foi apontado como uma “fantástica compra” por Robert Parker, merecendo nada menos do que 90 pontos na safra 2007. O aristocrático La Livinière, elaborado com uma grande proporção de Syrah, é ainda mais robusto e encorpado, demandando alguns anos para mostrar todas suas virtudes. É um belíssimo vinho de guarda.

Jean-Michel Cazes, durante muito tempo, vasculhou e pesquisou sobre a região de Languedoc-Roussillon em busca dos excelentes terroirs que ainda não tinham sido descobertos na área. Até que um dia, Jean-Michel encontrou La Livinière – uma aldeia no sopé de Montagne Noire.

Com a ajuda de seu filho – Jean-Charles Cazes –, eles escolheram um nome para a vinícola “L’Ostal”, repleto de referências, que significa tanto “casa” quanto “grupo de família”, na antiga língua Occitan. As equipes técnicas deram início a uma reestruturação das vinhas, a fim de expressar todo o potencial do terroir e das melhores castas cultivadas em Languedoc: Carignan, Syrah, Grenache e Mouvèdre.