Remirez de Ganuza

Com a impressionante façanha de elaborar um dos únicos cinco tintos da Espanha a terem merecido 100 pontos de Robert Parker (grupo muito seleto, que inclui os míticos Clos Erasmus e Artadi El Pison), Remírez de Ganuza é um inovador que não mede esforços para produzir vinhos de qualidade extraordinária. Fernando Remírez de Ganuza era um grande especialista em consolidar vinhedos na Rioja, auxiliando os produtores a unificarem parcelas pulverizadas, de diferentes donos, em uma única propriedade. Após muitos anos de trabalho, passou a conhecer perfeitamente quais eram os melhores vinhedos da Rioja e decidiu montar uma moderníssima vinícola, com o objetivo declarado de produzir vinhos que pudessem rivalizar com os melhores da Espanha. Minuciosamente atento aos detalhes, Remírez de Ganuza descobriu que a qualidade das uvas produzidas em uma mesma parreira varia de acordo com a posição dos cachos na planta. Assim, passou a utilizar apenas os cachos das melhores posições para elaborar vinhos de extraordinária qualidade. É claro que com isto os rendimentos se tornam ínfimos e o trabalho de seleção é enorme, mas a qualidade pode ser comprovada em seus vinhos grandiosos, elaborados artesanalmente. Para Robert Parker, trata-se do “melhor produtor da Rioja em combinar as qualidades do estilo tradicional e moderno”. Entre as verdadeiras jóias elaboradas pela vinícola, o Trasnocho é um vinho impressionante — moderno e muito complexo, elaborado através de uma técnica única, desenvolvida por Remírez de Ganuza. Um balão inserido dentro do tanque é inflado com água e esmaga as uvas da maneira mais delicada possível, evitando também que o vinho se oxide. Apenas 70% do suco é extraído. O resultado é um tinto robusto, capaz de melhorar por décadas. O Gran Reserva é um dos maiores vinhos da Espanha e recebeu nada menos que 100 pontos de Robert Parker na safra 2004, a única avaliada pelo crítico. Segundo Parker, o vinho mostra um “bouquet surreal”, sendo “impressionantemente potente mas repleto de elegância”. O “monumental” Reserva não fica muito atrás, mostrando um “esplêndido bouquet” e “um equilíbrio impecável” segundo Parker, que classificou a safra 2004 com 97 pontos! O Fincas de Ganuza Reserva, maturado por 28 meses em barricas novas de carvalho francês e americano, tem um estilo mais leve, podendo ser bebido um pouco antes que os outros tintos do produtor. Macio, refinado e cheio de camadas, foi apontado como “outstanding” pela Wine Spectator. “R.” Blanco é elaborado com um corte de 40% Malvasía e 60% Viura, fermentado e maturado em barricas de carvalho. Um branco “profundo, concentrado e complexo” nas palavras de Parker, que concedeu 92 pontos para a safra 2009.

5 produtos

Itens por página
Filtro
Ordenar por