Jean Louis Chave

Jean Louis Chave é um produtor de enorme prestígio, o maior especialista em Hermitage. Produz quantidades minúsculas de vinhos de altíssima qualidade. Estes vinhos extraordinários, raríssimos e muito disputados estão entre as maiores estrelas do vinho francês.

Jean Louis Chave é o grande artista de Hermitage – as últimas safras mereceram de Robert Parker 7 notas 100. São vinhos difíceis de encontrar até mesmo na França, donos de uma grandiosidade, finesse complexidade inigualáveis. São capazes de evoluir em garrafa por muitos e muitos anos e representam o ponto máximo de qualidade da uva Syrah no norte do Rhône.

Segundo Robert Parker, “não pode haver nenhuma dúvida de que Jean Louis Chaves e seu pai Gerard Chave – membros de uma família produtora de Hermitage há seis séculos – estão entre os maiores enólogos deste planeta. Nos melhores anos, o Hermitage Rouge de Chave é um vinho imortal”.

Desde 1481, a família Chave reina sobre as vinhas do Hermitage. Gerard, o pai, no passado um verdadeiro viticultor no sentido mais nobre da palavra e atualmente, Jean-Louis, o filho. Provavelmente os maiores visionários e observadores do Hermitage e dos vinhos franceses em geral.

Alguns de seus rótulos ostentam uma inscrição comemorativa desta conquista, “Vignerons de Père en Fils depuis 1481”, que é traduzido para, “Vinicultura de pai para filho desde 1481”. A família Chave começou a cultivar vinhas e fazer vinho no que hoje conhecemos como a denominação St. Joseph. Eles começaram comprando terras na colina de Hermitage em 1865 e, desde então, as terras e a maneira de se fazer grandes vinhos do Rhône continua sendo passado de geração em geração. Jean Louis Chave é a 16ª geração de sua família.

A família Chave focou na produção de Hermitage após o ataque da praga filoxera, que atingiu a maioria dos vinhedos da Europa no final do século XIX. Começou a produzir vinho em Mauves, onde, na verdade, é o local em que a família Chave ainda produz seu Hermitage até hoje.

Seu Hermitage Blanc, inclusive, é um vinho estupendo, rico e encorpado, de muita personalidade. Em 1998, recebeu 95 pontos da Wine Spectator, a maior nota já conferida a um Hermitage Blanc. O vinho tinto é extraordinário, muito rico e potente. São verdadeiras raridades, difíceis de encontrar até mesmo na França.

12 produtos

Itens por página
Filtro
Ordenar por