Alemanha

A Alemanha é berço de alguns dos melhores e mais longevos vinhos brancos do mundo, produzidos com a aristocrática uva Riesling. Existe uma grande variedade de estilos incluindo os populares vinhos secos, vinhos bem doces e os ótimos semi-doces, excelente companhia para muitos pratos da nova cozinha asiática.

Apesar dos vinhos alemães serem injustamente subestimados por muitos enófilos e ainda sofrerem com a imagem do péssimo Liebfraumich, que nada tem a ver com os melhores vinhos produzidos no país, a Alemanha é palco de destaque da Riesling. A casta é utilizada na elaboração de vinhos muito reputados, reconhecidos por serem fantásticos, extremamente elegantes, complexos e longevos, assumindo um caráter único no país europeu, expressando plenamente o excelente terroir alemão.

O fato de a Alemanha ser o berço de alguns dos melhores exemplares de vinhos brancos tem muito a ver com sua posição geográfica, clima e solo. Os vinhedos da região concentram-se, em sua grande maioria, no norte do país, graças à latitude que pode variar entre 49 e 51 graus, permitindo o melhor amadurecimento das castas utilizadas para a elaboração desse tipo de vinho.

Com a maioria dos vinhedos plantados em áreas próximas das margens dos rios Mosela e Reno, ou algum de seus afluentes, as plantações de uvas são beneficiadas pela localização, uma vez que a água age como moderadora do clima local.  

Da mesma forma, a composição do solo é um dos principais responsáveis pela qualidade e amadurecimento das uvas na Alemanha. Composto de ardósia e basalto, o aspecto rochoso do solo auxilia na retenção de calor, contribuindo para que as uvas da Alemanha sejam conhecidas por possuir baixa quantidade de açúcar e rica acidez. 

O país apresenta em toda a sua extensão 13 regiões vinícolas, sendo elas: Ahr, Baden, Franken, Hessische Bergstrasse, Mittelrhein, Mosel-Saar-Ruwer, Nahe, Pfalz, Rheingau, Rheinhessen, Saale-Unstrut, Sachsen e Württenberg.

Diferentemente das outras regiões, a área vinícola de Ahr é a única especializada em vinhos tintos, de maneira que 88% de toda a sua produção é destinada a rótulos de coloração avermelhada. Em contrapartida, a área Mosel-Saar-Ruwer, que conta com produção de 91% de vinhos brancos, tem como protagonista a elogiada casta Riesling

66 produtos

Itens por página
Filtro
Ordenar por