Estados Unidos

Os Estados Unidos produzem alguns dos melhores e mais reverenciados tintos e brancos do mundo. Alguns dos maiores nomes do vinho são norte-americanos, como Caymus, Stag’s Leap, Laurel Glen, Opus One e Château Montelena, cujos vinhos são literalmente cultuados pelos apreciadores norte-americanos, e que também gozam de grande reputação pelo mundo afora.

O prestígio dos vinhos americanos se deve à grande qualidade dos melhores exemplares da região, além da enorme influência da crítica norte-americana de vinhos na atualidade. Tradicionalmente, as grandes especialidades da Califórnia são os excelentes Cabernet Sauvignon e Chardonnay, as duas variedades que, nos anos 70, consagraram a região como uma das zonas produtoras de maior qualidade no mundo, graças a uma famosa e polêmica degustação.

Hoje em dia, estas uvas continuam a ser as mais emblemáticas, embora inúmeras outras variedades sejam plantadas com muito sucesso — como Merlot, Pinot Noir, Syrah, Zinfandel e até Sangiovese entre as tintas, e Sauvignon Blanc, Riesling, Viognier e Pinot Gris entre as brancas.

Apesar de os EUA serem um dos grandes nomes do Novo Mundo, não são todas as regiões norte americanas que possuem climas e solos favoráveis para o cultivo de vinhas e a elaboração de vinhos. As regiões de grande importância para a vinicultura do país concentram-se, exclusivamente, na Costa do Pacífico.

Entre as áreas de maior destaque estão a Califórnia e os estados de Washington e Oregon. A Califórnia é responsável pela produção de 90% de todo o vinho norte-americano, sendo os rótulos elaborados com as uvas Cabernet Sauvignon e Chardonnay considerados excelentes.

Já o estado do Oregon, de clima mais frio, destaca-se pela produção de ótimos vinhos Pinots Noir e Chardonnay, classudos e elegantes quando elaborados pelos melhores produtores. Em Washington, o destaque fica com a uva Riesling, que tem obtido bastante sucesso na região, sendo utilizada na elaboração de ótimos e encantadores vinhos.

Uma particularidade do país é a adoção de um sistema de Denominação de Origem Controlada diferenciado do utilizado por países pertencentes ao Velho Mundo. Ao contrário de muitas das regiões europeias, nos Estados Unidos os rótulos dos vinhos trazem indicações sobre as variedades de uvas utilizadas, sendo menos restritivo em relação aos métodos de produção adotados. 

85 produtos

Itens por página
Filtro
Ordenar por