Xynomavro

A Xynomavro é uma uva tinta conhecida pela coloração escura e altos níveis de acidez que apresenta. De origem grega, essa variedade é a mais cultivada no norte do país, especialmente, na região de Imathia e nas proximidades de Amyntaio. Com alto poder de amadurecimento, a uva Xynomavro dá origem a vinhos com aromas complexos e frutados.

A variedade é considerada em sua terra natal, dona do melhor vinho tinto da Grécia e, graças à alta acidez e bons taninos que a uva Xynomavro apresenta, os vinhos elaborados a partir dessa casta são, estruturalmente, alguns dos melhores vinhos tintos de todo o Mediterrâneo.

“Xynomavro” é a junção de duas palavras gregas, “ácido” e “negro”, indicando o sabor e a estrutura que os vinhos elaborados a partir da variedade apresentam. Na juventude, os exemplares permanecem fiéis a tradução do seu nome, e alguns vinhos podem envelhecer muito bem durante anos.

A uva Xynomavro apresenta cachos apertados e coloração escura, com bagos variando de tamanho entre médio e grande. Com amadurecimento tardio, essa variedade necessita de cuidados especiais a fim de atingir seu ápice qualitativo e dar origem a excelentes vinhos tintos.

Encontra-se a Xynomavro cultivada em regiões de Naousa, Goumessia, Amyntaio, Rapsani, Trikomo, Siatista e Velventos. Além disso, essa variedade também é cultivada em menor escala em Monte Atos, Ossa, Ioannina, Magnesia, Kastoria e Trikala.

Em Naousa, denominação mais importante da Xynomavro, os vinhos devem ser produzidos inteiramente com a variedade tinta. Os exemplares dessa região grega possuem elevada notoriedade e são considerados alguns dos melhores vinhos da Grécia, juntamente aos de Nemea, situada na península do Peloponeso.

Amplamente cultivada na Grécia continental, a uva Xynomavro é utilizada sob outras denominações de origem, como é o caso de Rapsani, localizada no sopé do Monte Olimpo. Nesta região, a variedade é utilizada em blends com as castas Krassato e Stavroto, dando origem a vinhos tintos densos e encorpados. Nas demais regiões, a Xynomavro é utilizada na elaboração de vinhos de corte com as uvas internacionais Syrah e Merlot, em uma tentativa de suavizar suas características mais fortes.

A uva Xynomavro é conhecida também como Black Naousa, Mavro Naoussis, Mavro Naoustino, Xynomavro os Naoussa, Popolka, Pipolka e Xynomavro Noussis, em outras regiões vinícolas ao redor do mundo. Há quem compare os melhores vinhos tintos elaborados com a Xynomavro com os famosos Barolo, elaborados na região italiana do Piemonte