Frete grátis para todo o Brasil a partir de 99 reais.

Parcele em até 6x Sem Juros. Parcela mínima de 99 reais.

    • Quinta do Côtto

      A Quinta do Côtto é um dos melhores e mais tradicionais produtores da região do Douro, tendo sido o grande pioneiro na criação do conceito dos "Vinhos de Quinta", a exemplo dos melhores châteaux de Bordeaux.

      A Quinta produz dois vinhos tintos que certamente estão entre os mais famosos do Douro: o lendário Quinta do Côtto Grande Escolha -- um dos maiores vinhos portugueses, elaborado apenas em safras excepcionais -- e o delicioso Quinta do Côtto tinto, verdadeiro clássico. O Vinha do Dote é elaborado apenas com uvas de um vinhedo plantado há mais de 90 anos, que foi dado como dote no casamento da "Avó Rosa", que fundou junto de seu marido Antônio Montez Champalimaud a empresa em 1922.  O Sousão é a mais recente adição ao portfólio da Quinta do Cotto, mostrando as qualidades desta interessante uva autóctone.

      Localizada no coração da mais antiga e tradicional região vinícola demarcada de Portugal, a Quinta do Côtto possui 70 hectares de vinhedos mencionados já desde os primeiros documentos relacionados com a implementação de vinhas no Vale do Douro.

      Na região dos Vinhos Verdes são produzidos os deliciosos brancos de Paço do Teixeiró. O Avesso, elaborado com a uva de mesmo nome, é uma deliciosa surpresa: encorpado e profundo, com um sabor seco e marcante. O Paço do Teixeró branco, por sua vez, é muito saboroso, refrescante e aromático, um dos melhores exemplos de brancos sérios da região de Vinhos Verdes.

      Durante vários séculos, a propriedade da Quinta do Côtto centrou-se quase que exclusivamente na produção dos tradicionais vinhos do Porto. Algumas pequenas quantidades de vinhos tintos e brancos também foram feitas, mas apenas para o próprio consumo da família.

      Em 1932, após o ataque da praga filoxera, a vinícola e os vinhedos da Quinta do Côtto foram modernizados a fim de produzir também vinhos brancos e tintos, além dos fortificados vinhos do Porto, com base nas castas tradicionais e com os recentes métodos de vinificação. 

      Miguel Montez Champalimaud, da 5a geração da família, assumiu a Quinta do Côtto recentemente, implementando mudanças estratégicas para melhorar ainda mais a qualidade dos vinhos.

      Para muitos críticos e especialistas de vinhos europeus, um vinho da Quinta do Côtto representa, atualmente, um vinho produzido e engarrafado em um determinado terroir, com uvas selecionadas com muito cuidado pelos enólogos e com uma garantia de qualidade, personalidade e autenticidade - características indispensáveis para a produção de bons vinhos.


      + ver mais