Canaiolo

A uva Canaiolo é uma das variedades mais importantes a participar da composição do famoso vinho italiano, o Chianti. Originária da Toscana, a Canaiolo foi difundida para as regiões centrais da Itália e em algumas regiões vinícolas pouco produtivas.

Apresentando uma excelente resistência, a uva Canaiolo, desde o século XIX, sempre foi muito apreciada para a elaboração de vinhos, além de possuir um notável aroma e coloração mais densa e escura que as demais variedades, tornando-a um tipo de casta propicia para vinhos de corte.

A Canaiolo, quando elaborada em blends, adiciona aos vinhos taninos suaves e aromas elegantes, bem como os torna mais macios e acentua os sabores herbáceos dos exemplares, dependendo da quantidade adicionada. Essa variedade tornou-se uma joia rara para diversos enólogos e produtores, sendo utilizada para agregar maior valor aos sabores e aromas de vinhos nobres.

Além de ser responsável por ressaltar os sabores herbáceos dos vinhos Chianti, a uva Canaiolo encontra-se presente também na produção de outro vinho nobre da Toscana – o Vino Nobile di Montepulciano. Nos dias de hoje, raramente encontram-se varietais produzidos com a uva Canaiolo.

Sua importância no passado, quando a tecnologia vinícola ainda não estava tão avançada, era enorme. Sem a possibilidade de trabalhar a fermentação do vinho sob uma temperatura controlada rigorosamente, os enólogos “contavam com a sorte”, a fim de que as temperaturas externas não sofressem uma variação brusca, interrompendo a fermentação dentro da vinícola.

No decorrer dos anos, foi descoberto que para evitar esse contratempo, era necessário apenas acrescentar uvas secas ou semissecas, assim com a Canaiolo, cujo açúcar natural revigorava os fermentos e prolongava o processo. Graças aos bagos extremamente resistentes e a incrível capacidade de secar e concentrar açúcar, a uva Canaiolo era a principal escolhida.

Dependendo da região vinícola onde a Canaiolo é cultivada, recebe outros nomes, como Uva Canina, Uva Grossa, Tindillaro, Canaiolo Nero e Caccione. Além disso, é possível encontrar ainda uma sub-variedade dessa uva – a Canaiolo Bianco –, cultivada, principalmente, na Umbria e utilizada para a produção dos prestigiados vinhos Orvieto.