Gaglioppo

A uva Gaglioppo, nativa do sul da Itália, é responsável pela produção de macios vinhos tintos na região da Calábria, onde é a principal variedade cultivada há séculos. O vinho varietal Gaglioppo apresenta sabores frutados e, muitas vezes, são acentuados por notas picantes.

Na Calábria, as vinhas da Gaglioppo são cultivadas em altitudes elevadas, a fim de protege-las contra o clima quente encontrado no sul da Itália. Alguns produtores optam por realizar a colheita no início da temporada, a fim de manter os bons níveis de acidez da uva e garantir que a mesma atinja seu ápice qualitativo.

Além do sul italiano, também é possível encontrar a uva Gaglioppo nas regiões vinícolas de Abruzzo, Umbria e Marche. A parte central da Itália tende a ser menos distinta que a área sul, no entanto, o crescente interesse pelo cultivo de novas castas está levando alguns produtores a utilizar a Gaglioppo apenas na elaboração de vinhos de corte.

As condições onde essa variedade de uva se adapta com maior facilidade são em regiões com climas secos, tornando-se bastante alcoólica e com elevados níveis de açúcar natural, se for mantida por um extenso período de tempo na videira a fim de se desenvolver plenamente.

A Gaglioppo é conhecida também como Gaglioppo Rosso, Gaglioppo Nero, Gaglioppa, Gaglioppo di Ciro e Lacrima. Apesar de haver alguns sinônimos que carregam a palavra “Lacrima”, a casta Gaglioppo não deve ser confundida com a uva Lacrima di Morro d’Alba, comum na região italiana de Marche.

Essa variedade é responsável por produzir vinhos encorpados e com alto teor alcoólico, que devem ser mantidos por um tempo considerável na garrafa para suavizar. Além de vinhos tintos, a uva Gaglioppo pode ser utilizada também na elaboração de vinhos brancos, em uma proporção máxima de 10%.