Tenuta San Leonardo

Segundo a renomada crítica de vinhos Jancis Robinson, “San Leonardo é, com certeza, a mais bem-sucedida vinícola de vinhos Bordeaux do norte da Itália e dificilmente haverá outra propriedade que, por 30 anos, mude tão pouco a qualidade de seus vinhos”.

Com vinhos tintos que estão entre os mais finos e prestigiados da Itália, a Tenuta San Leonardo é um verdadeiro châteaux, cuja inspiração vem das melhores propriedades de Bordeaux. Na propriedade são utilizadas, inclusive, variedades bordalesas como a Cabernet Sauvignon, a Merlot e a Cabernet Franc.

Seus vinhos são incrivelmente finos, classudos e elegantes, com uma grande profundidade de fruta. O estupendo San Leonardo é “um dos melhores tintos da Itália”, segundo o Gambero Rosso, que lhe conferiu os “tre bicchieri” em simplesmente todas as últimas safras. No mesmo estilo cheio de classe é elaborado o Villa Gresti, com 90% Merlot e 10% Carmenère, merecendo “due bicchieri”, assim como o Merlot, que também é bastante saboroso, rico e elegante.

A Tenuta, ou propriedade em italiano, fica em Trentino, - região do Alto Adige, no extremo norte da Italia – e foi comprada pela família Gresti em 1770, depois de um século de trabalho para a igreja católica. No início do século XIX, passaram a produzir variedades internacionais e vinhos para a corte austríaca. Burgundy, Rulander, Chablis e Riesling já eram feitos com grande qualidade na época.

Em 1984, foi construída a Villa Gresti e somente em 1978 foram plantadas as primeiras vinhas de Cabernet Sauvignon, pelo neto da matriarca Gemma de Gresti, Carlo Guerriere Gonzaga, proprietário da Tenuta até hoje.

Atualmente, além da Cabernet Sauvignon, as castas cultivadas em San Leonardo incluem Carmenère, Merlot, Cabernet Franc e Petit Verdot. A Carmenère tem sido cultivada na Tenuta San Leonardo desde o final dos anos 1800, mas foi confundida com a Cabernet Franc até o início dos anos 80. Os vinhos de Sauvignon Blanc e Riesling são produzidos a partir de uvas colhidas e compradas de produtores do norte de Trentino.

Tenuta San Leonardo faz dois vinhos principais: o San Leonardo, uma combinação de Cabernet Sauvignon com Carmenère e Merlot, lançado em 1982, e o Villa Gresti, feito com uvas Merlot e uma pequena quantidade de Carmenère. As uvas são fermentadas com leveduras autóctones e amadurecidas em tanques de cimento, antes do envelhecimento em barrica. O tinto San Leonardo estagia até 24 meses em barricas de carvalho novas e pré-usadas e, no mínimo, 24 meses na garrafa antes de ser lançado no mercado. Villa Gresti é envelhecido em barricas por um período máximo de 14 meses e recebe 12 meses de envelhecimento em garrafa.

7 produtos

Itens por página
Filtro
Ordenar por