Bonarda

A uva Bonarda Piemontesa, que historicamente era usada para deixar os taninos da casta Nebbiolo mais macios e conferir mais fruta aos vinhos mais duros do Piemonte, não tem relação com a uva Bonarda encontrada na Argentina. Na verdade, a casta Bonarda argentina é a uva Douce Noire, originária da Saboia, na França. Por ter características semelhantes à Bonarda Piemontesa, até na França se acreditava que a uva era originária do Piemonte, mas estudos de DNA mostraram que trata-se de uma variedade distinta de casta. A uva Bonarda possui cachos bem cheios, compactos e médios. Com cor bem escura (preto azulado), os bagos da casta possuem polpa macia e formato de esfera. A uva Bonarda, antigamente era utilizada somente em cortes, para propiciar maior equilíbrio na acidez dos tintos. Hoje, já é possível achar varietais da casta ou bi-varietais, sendo muito utilizada na elaboração de vinhos com a casta Malbec e a uva Syrah. Hoje, a casta existe em minúsculas quantidades na França e nos Estados Unidos, mas a Argentina conta com quase 19.000 hectares plantados, onde é identificada como Bonarda. Os vinhos argentinos em geral são leves, frutados e fáceis de serem bebidos. Alguns produtores elaboram vinhos com vinhas de baixos rendimentos e uvas colhidas mais maduras. O resultado são vinhos profundos, com boa capacidade de envelhecimento. É uma interessante alternativa à casta Malbec, oferecendo um prazer mais imediato. Para acompanhar a degustação e apreciação das características e qualidades específicas que a casta Bonarda adiciona aos vinhos, os tintos devem ser harmonizados com refeições moderadamente condimentadas ou levemente apimentadas, exaltando o sabor e as peculiaridades da uva Bonarda utilizada na elaboração de vinhos tintos excelentes. Utilizada na elaboração de excelentes vinhos, a uva Bonarda está presente no “Tikal Patriota 2012”, tinto produzido por Ernesto Catena. O vinho tinto argentino recebeu 92 pontos de Robert Parker na safra de 2011. Constituído de 60% de casta Bonarda e 40% de uva Malbec, o vinho é elaborado com uvas de vinhedos bastante antigos, resultado em um vinho tinto complexo, concentrado, fino e exuberante. O vinho apresenta excelente qualidade aliada com preço.