Wynns

Wynns é uma vinícola centenária e de grande tradição, um dos pouquíssimos "domaines" de toda a Austrália. A adega utiliza apenas uvas de seus ótimos vinhedos da fria região de Coonawarra, conhecida pelo solo de "terra rosa", o mais disputado da Austrália, excepcional para a uva Cabernet Sauvignon.

Seus Shiraz, Cabernet Sauvignon e Cabernet/Shiraz/Merlot são muito concentrados, bem mais classudos e elegantes do que a maioria dos vinhos australianos desta categoria. Os melhores vinhos tintos, produzidos apenas em anos excepcionais, são o Michael Shiraz e o John Riddoch Cabernet Sauvignon, que recebeu as máximas 5 estrelas da Decanter, ficando em primeiro lugar à frente de 80 dos melhores Cabernet da Austrália.

A vinícola Wynns foi fundada pelo escocês John Riddoch que em 1891 plantou suas primeiras vinhas e construiu a adega icônica da propriedade. No ano de 1951 os comerciantes David Wynn e Melbourne Samuel compraram as vinhas originais de Riddoch e renomearam a propriedade para “Wynns Coonawarra Estate”.

A família Wynns reconheceu as qualidades particulares dos vinhos elaborados em Coonawarra, exemplares cheios de riqueza, intensidade e repletos de frutas, dando início a construção de uma identidade independente para a região australiana. A Wynns foi responsável também pela criação do famoso rótulo que tornou a adega um dos edifícios mais emblemáticos da Austrália.

No coração de Coonawarra está localizada a vinícola Wynns, a 380 quilômetros de Adelaide e 450 quilômetros a oeste de Melbourne. A região australiana é conhecida pelas suas características geológicas e climáticas especiais que nutrem as vinhas proporcionando que as uvas atinjam o ápice qualitativo.