Viagem pelo Mundo do Vinho Especiais - Mistral

Frete grátis para todo o Brasil a partir de 99 reais.

Parcele em até 6x Sem Juros. Parcela mínima de 99 reais.


    • Os vinhos do Priorato — ou Priorat, como a região é conhecida na Catalunha — certamente estão entre os melhores vinhos da Espanha e de todo Velho Mundo. Ao lado da Rioja, é a única outra denominação da Espanha a merecer a classificação máxima no país: Denominación de Origen Calificada, mesmo possuindo ainda comparativamente poucos anos de história.

      O Priorato produz grandes vinhos pelo menos desde o século XII, quando os monges cartuxos se instalaram na região e ali construíram a famosa abadia que deu nome a toda essa zona. No entanto, no século XX os vinhedos da região tinham sido amplamente abandonados por conta de seu cultivo difícil, sua baixa produtividade e seu terreno íngreme. Foram as décadas de 1980 e 1990 que assistiram ao renascimento dos magníficos vinhos do Priorato que hoje conhecemos.

      A região montanhosa, repleta de vilarejos medievais, conta com alguns vinhedos centenários, plantados no famoso solo chamado localmente de llicorella, formado por camadas de xisto e quartzo. Como é impossível usar máquinas nos aclives e declives da região, os vinhedos, embora abandonados e descuidados, foram poupados de serem arrancados em épocas que outras culturas se tornaram bem mais lucrativas que as uvas.

      Nos anos 1980, cinco amigos — dentre os quais René Barbier (Clos Mogador), Álvaro Palacios (Finca Dofí, L'Ermita) e Daphne Glorian (Clos Erasmus) — embarcaram em uma aventura e resolveram resgatar os tempos de glória da região, recuperando os vinhedos e elaborando vinhos ambiciosos, de grande qualidade. Logo na primeira safra a excelência dos vinhos foi reconhecida na Espanha e na França, o que viabilizou o renascimento desta bela região. Muitos dos vinhos se tornaram verdadeiros ícones disputados pelos conhecedores, com altíssimas pontuações da imprensa especializada. Alguns, como eram muito difíceis de se encontrar por sua ínfima produção, se tornaram "cult wines" quase lendários.

      Os bons vinhos do Priorato são elaborados principalmente com as uvas Garnacha e Cariñena, muitas vezes de vinhedos muito antigos, de minúscula produção. São tintos apaixonantes, profundos e estruturados, sedutores, poderosos e cheios de fruta, com um destacado toque mineral. Deliciosos desde jovens, realmente podem durar décadas. São grandes descobertas, que merecem ser conhecidos e revisitados!